Sem ônibus ao anoitecer

fragmento da obra ‘Sua cidade empática’ de Olafur Eliasson, exibido no Sesc Pompéia em 2011, por R.I.


A linha de ônibus 715F desapareceu. Foi desativada depois de décadas. Por muito tempo foi minha via de acesso a São Paulo, fazendo o itinerário da divisa de Osasco até o largo da Pólvora, na Liberdade, região central da capital.

Os ônibus tinham cor de laranja, como todos da zona oeste, e percorriam inteira a extensão da avenida Corifeu de Azevedo Marques, Vital Brasil, boa parte da rua dos Pinheiros, da avenida Rebouças e Paulista. Através deles comecei a conhecer sozinho a grande metrópole, me desloquei para concertos e mostras, sessões de cinema e escolas e cursos. Naves quase sempre lotadas, cansativas, sonambúlicas. Com passageiros que envelheceram junto comigo sem que ao menos chegasse a lhes dizer ‘olá’. Que seguiram nas suas vidas, corridas, em busca de recompensas e rotas de fuga.

Cada vez que mirava da janela via a paisagem granular um pouco, perder definição, ainda que continuasse mais ou menos a mesma da adolescência. Um ou outro prédio novo, casas repintadas, lojas de rede ao invés das pequenas de bairro. Não pressentia essa mudança drástica, essa avalanche urbana a solapar todo um percurso da memória. É certo que diminuíra as viagens por essa linha. A vida tinha mudado de eixo. Mas era como um museu ambulante, a que sempre poderia recorrer.

Sem esse itinerário um pedaço da minha história parece ter perdido o cordão que sustenta as imagens, emoldura as fotos, alinhava as narrativas. Um ponto de observação privilegiado. Uma testemunha sem corpo, que não defende nem acusa. Mas, aos trancos, parecia sempre atualizar o caminho.

Sobre Ricardo Imaeda

Um amigo. Em passagem por terras estranhas, imigrante nativo. Tem aprendido com todas as formas de vida. Gosta de cidades e montanhas, árvores e culturas. Anda por um caminho temperado pelo zen, na incerteza de cada dia. Escreve para compreender, para encontrar.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s