Entre as galáxias e o pôr do sol

detalhe da decoração do Tanabata Matsuri (Festival das Estrelas) na Liberdade, região central de São Paulo, no fim de semana passado, por R.I.

detalhe da decoração do Tanabata Matsuri (Festival das Estrelas) na Liberdade, região central de São Paulo, no fim de semana passado, por R.I.

Uma vez por ano é pouco ou muito se o tempo é contado, o espaço infinito, a procura cansativa. As pessoas se arrastarão pelo meio, olhares vagando. Como em um terraço à beira do tédio, entre gotas de alegria forçada. Assim passará esse dia, menos um. Lembrará de todos aqueles nos seus respectivos laços, desbastando as horas restos da necessária faina.

Muito ou pouco, se anestesia ou alerta, manada ou solidão.

E eis que se foi. Chegará um dia?

Anúncios

Sobre Ricardo Imaeda

Um amigo. Em passagem por terras estranhas, imigrante nativo. Tem aprendido com todas as formas de vida. Gosta de cidades e montanhas, árvores e culturas. Anda por um caminho temperado pelo zen, na incerteza de cada dia. Escreve para compreender, para encontrar.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s