Arquivo do mês: julho 2014

Sem ti

‘A vida é uma vez, para sempre’ – Henri Cartier-Bresson   Eu te vejo algumas vezes quando as tarefas não atropelam os dias. Em um silêncio que não dá pistas. Se vou seguir sozinho ou andando comigo. Eu te vejo … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

O que seca

Agora que a terra se risca em ranhuras como as palmas da mão termino cada pensamento com a aflição de não saber quando chegará o fim do poço. Quando terão fechado as fontes, quanto terão errado os que não sabem … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Sentidos

Viu um caminho entre as árvores e seguiu sem saber por onde. Assim foi quando o dia passou por longe. Estaremos lá, pensou, com qualquer roteiro. E então escreveu em tropeços quase ilegíveis. Mas escreveu.

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário