De novo, agora novo

detalhe do lago e de caminho lateral do parque Cidade de Toronto, na região noroeste de São Paulo, por R.I.

detalhe do lago e de caminho lateral do parque Cidade de Toronto, na região noroeste de São Paulo, por R.I.

Deve ser assim como se fosse uma outra pessoa andando por essas ruas conhecidas mas tão mudadas depois de muito tempo. Ou a mesma pessoa em algum outro plano. Estranho. Mais estranho do que voltar diferente em corpo parecido. Olhar de dentro para fora como se reconhecesse e sentisse falta de algo que não vai estar mais lá porque os anos passaram, a forma de sentir passou, todos os sinais se apagaram. É andar suspenso por um chão oscilante. Não devolve a firmeza de antes, não parece ficar onde pisava.

E então cada pedaço do cenário ganha cor e relevo na falta de sentido. Sem o compromisso da história eles libertam a sua voz.

Anúncios

Sobre Ricardo Imaeda

Um amigo. Em passagem por terras estranhas, imigrante nativo. Tem aprendido com todas as formas de vida. Gosta de cidades e montanhas, árvores e culturas. Anda por um caminho temperado pelo zen, na incerteza de cada dia. Escreve para compreender, para encontrar.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s