Metáforas espaciais

detalhe da cave da vinícola Undurraga, em Talagante, Chile, por R.I.

detalhe da cave da vinícola Undurraga, em Talagante, Chile, por R.I.

[ao som de ‘Eden’, de Alex Callier, na voz de Sarah Brightman]

Assim se passa pelos tempos indefinidos, de fora sem aparente saída, de dentro com as conhecidas presenças. Parece uma volta a um passado medieval mas sem os ruídos de pesar e os mistérios das histórias góticas. Uma visita turística, como se as caminhadas todas não tivessem algum sentido de revisita. Superfície, distância, estranhamento familiar. Quase não se percebe a temperatura mais fria agora que a paisagem nos acostuma. Os corredores não reproduzem ecos nem projetam as sombras de qualquer pesadelo. Parecem telas que vão desaparecer quando sairmos.

Quando sairmos?

Anúncios

Sobre Ricardo Imaeda

Um amigo. Em passagem por terras estranhas, imigrante nativo. Tem aprendido com todas as formas de vida. Gosta de cidades e montanhas, árvores e culturas. Anda por um caminho temperado pelo zen, na incerteza de cada dia. Escreve para compreender, para encontrar.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s