Os carneiros

detalhe das Grandes Galerias no centro de São Paulo, por Ricardo Imaeda

Tanto tempo depois finalmente Philip Dick. E ainda mais no texto que inspirou o filme ‘Blade Runner’: ‘Androides sonham com ovelhas elétricas?’ Não entendi a mudança de carneiros para ovelhas na tradução, mas ainda assim o livro se impõe como uma leitura cortante e desesperada a respeito do homem e sua reflexão sobre sua própria natureza. Eis o homem sem um percurso, sem saber seu alcance, Rick Deckard sem o charme que ganhou no cinema com Harrison Ford. Não é um romance policial de ficção científica; é antes uma espécie de ‘Édipo Rei’ de um mundo com deuses reinventados, falsos, encenados. Quando quase todos os animais foram extintos a humanidade parece também se dissipar e entanto alguma coisa ainda está acesa. Não sei bem o quê em toda essa distopia parece insuflar um resto de ânimo. Talvez a fragilidade mesmo dos que restaram.

 

Anúncios

Sobre Ricardo Imaeda

Um amigo. Em passagem por terras estranhas, imigrante nativo. Tem aprendido com todas as formas de vida. Gosta de cidades e montanhas, árvores e culturas. Anda por um caminho temperado pelo zen, na incerteza de cada dia. Escreve para compreender, para encontrar.
Esse post foi publicado em Uncategorized. Bookmark o link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s