Arquivo do autor:Ricardo Imaeda

Sobre Ricardo Imaeda

Um amigo. Em passagem por terras estranhas, imigrante nativo. Tem aprendido com todas as formas de vida. Gosta de cidades e montanhas, árvores e culturas. Anda por um caminho temperado pelo zen, na incerteza de cada dia. Escreve para compreender, para encontrar.

Ossos

De fato são os ossos que ficam Só ossos E enfim nem passos nem figos Por isso não falo demais As frases já morrem enquanto cozinham Vieram tarde Arenosas, não cálcio O que são ossos depois que vão?   Anúncios

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Contorno

[para D. R.]   Sou o que resta do vento, o arrepio da pele, o tremular e o descanso de pelos, frio e suor. Olham-me nos traços de limites fracos que me escapam toda vez que respiro. Quase sinto o … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | 1 Comentário

Justiça literária

Finalmente um prêmio como o Nobel de Literatura vai para um grande escritor. Esta página está feliz pela escolha de Kazuo Ishiguro neste ano. ‘Não me abandone jamais’ é um dos livros desconcertantes do final do século XX. Mais que … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Um outro tempo

A primeira versão de ‘Tempo Perdido’, de Renato Russo, tinha diferenças sensíveis em relação ao que viria a ser afinal a canção gravada no disco ‘Dois’, como se pode ver no manuscrito que está na exposição do Museu da Imagem … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Os carneiros

Tanto tempo depois finalmente Philip Dick. E ainda mais no texto que inspirou o filme ‘Blade Runner’: ‘Androides sonham com ovelhas elétricas?’ Não entendi a mudança de carneiros para ovelhas na tradução, mas ainda assim o livro se impõe como … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

De ontem

O brilho das estrelas vem do passado, nos diz a física. A linguagem, a cultura também. Mas e o esquecimento? Essa parece ser uma construção contínua, arrastada ao longo do tempo que começa lá atrás e persiste no presente como … Continuar lendo

Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário

Renascença

Um dia a mais, um ano a mais. Renascer é uma bênção e um destino a encontrar a cada novo respiro.  

Publicado em Uncategorized | 1 Comentário